Publicidades

14/03/2018 | 05:35 | Educação

SETREM homenageia o ministro Osmar Terra

Ministro ganhou uma placa pelo seu empenho e dedicação no auxílio ao processo de autorização do curso de Bacharelado em Direito da Faculdade Três de Maio

Setrem/divulgação


Na noite de segunda-feira, 12, foi realizado um ato solene em agradecimento ao ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra, pelo seu empenho e dedicação no auxílio ao processo de autorização do curso de Bacharelado em Direito da Faculdade Três de Maio – SETREM. O ato foi marcado pelo descerramento da placa em sua homenagem, localizada no Campus SETREM.


A solenidade contou com a presença do ministro Osmar Terra, do prefeito de Três de Maio, Altair Copatti, da presidente da Mantenedora SETREM, Dalva Lenz, do diretor-geral da SETREM, Sandro Ergang, do vice-diretor da Faculdade Três de Maio, Mauro Alberto Nüske, do coordenador do curso de Direito da Instituição, Marcos Scherer, e demais autoridades, professores, colaboradores e acadêmicos da Faculdade.


Em seu pronunciamento, o coordenador Marcos Scherer destacou que, em menos de um ano, o curso possui nove docentes e mais de 90 acadêmicos em sala de aula. “O curso de Direito da SETREM possui uma proposta pedagógica diferenciada, voltada ao empreendedorismo, à inovação e à tecnologia, inserindo na formação dos profissionais algo diferente do que existe nos demais cursos de Direito. Ele visa formar operadores jurídicos para o mercado de trabalho”, enfatizou Scherer.


Para o prefeito Altair Copatti, a figura política do ministro Osmar Terra, construída ao longo de tantos anos, faz dele uma liderança influente na liberação de recursos para o Estado e, especialmente, para a região. “Foi assim com o curso de Direito da SETREM. É uma bela e merecida homenagem, de uma pretensão antiga da Instituição”, declarou.


O diretor-geral da SETREM, Sandro Ergang, agradeceu a presença do ministro neste ato em sua homenagem e elogiou o empenho do parlamentar, na época Deputado Federal pelo PMDB-RS, desde a tramitação, em 2011, junto ao Conselho Nacional de Educação e no Ministério da Educação, até a autorização do curso, no dia 3 de maio de 2016. “Quero agradecer, em nome da SETREM, por todo o empenho no processo de autorização do curso de Direito. Essa singela homenagem representa muito pouco a verdadeira dimensão desta conquista para a Instituição. Seremos eternamente agradecidos”, disse Ergang.


Terra destaca fortalecimento do ensino universitário


Em seu pronunciamento, Osmar Terra disse estar muito feliz e espera que esta seja uma importante contribuição para que a região não fique tão isolada geograficamente. “Precisamos romper este isolamento oferecendo um estímulo para o desenvolvimento regional, por meio de políticas públicas, obras de infraestrutura e, principalmente, o fortalecimento do ensino universitário. Quero que a juventude fique aqui, realize seus sonhos, que as coisas funcionem e seja um modelo de progresso e desenvolvimento”, afirmou Terra.


O ministro disse ainda que admira a SETREM desde quando era secretário nacional no governo do presidente Fernando Henrique Cardoso. “A SETREM tem uma característica diferente. Ela possui um ensino voltado para mudar o ambiente em que vive, o desenvolvimento local, para mudar a vida das pessoas. Ajudo a Instituição em tudo que eu posso e podemos fazer muito mais, fazer a SETREM avançar. Vamos conversar sobre o planejamento estratégico da Faculdade e ver onde podemos contribuir ainda mais”, garantiu. Para demonstrar o reconhecimento pelo esforço do ministro, além da placa, Ergang entregou a Osmar Terra um pin da SETREM e a presidente da Mantenedora, Dalva Lenz, entregou-lhe um mimo.

Fonte: Assessoria de Comunicação SETREM

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer