Publicidades

28/10/2018 | 19:24 | Praia Notícias | Polícia

Suspeito de roubo a veículos morre em confronto com a PM em Camboriú

Segundo a Polícia Militar, ele apontou arma para policial, que atirou para se defender. Dois carros foram recuperados com suspeito

Carros com registro de roubo recuperados ? Polícia Militar/Divulgação


Um suspeito de roubar dois carros foi morto em confronto com a Polícia Militar no final da noite de sábado (27) em Camboriú, no Litoral Norte. De acordo com a PM, ele apontou a arma para um policial, que atirou para se defender. Dois carros com registro de roubo foram recuperados.


Por volta das 22h, a PM recebeu informações sobre a localização de um homem suspeito de ter praticado roubos na região, inclusive de dois veículos: um Montana Conquest e um Bravo Essence, este roubado na sexta (26).


Os policiais, então, foram até o local indicado, conhecido como Vila Conceição. Após fazerem uma trilha, a PM encontrou o carro Bravo Essence e viu o suspeito dirigindo o Montana.


Acompanhamento e tiros


Conforme informações da PM, em seguida os policiais fizeram o acompanhamento do veículo onde estava o homem. Porém, ele conseguiu fugir e distanciar-se da polícia. Depois, abandonou o carro e fugiu a pé por um matagal.


Como a perseguição em mata durante a noite não é recomendada pelos padrões de segurança da PM, os policiais não seguiram o suspeito.


O local onde eles estavam não possibilitava a comunicação por rádio ou celular. Por isso, um dos policiais precisou ir para uma área em que houvesse sinal. Os demais ficaram com os carros roubados recuperados.


Enquanto esse policial ia para a área buscar sinal para comunicação, o suspeito saiu da mata. Segundo a PM, a intenção dele era roubar outro carro para fugir.


Porém, o veículo que passava no momento era o da Polícia Militar. Com a baixa luminosidade à noite, o suspeito não identificou o carro, apontou a arma para o motorista e ordenou que ele saísse do veículo.


O policial, com o objetivo de se defender, atirou duas vezes contra o suspeito, que morreu no local. Posteriormente, o dono do Bravo Essence reconheceu o homem e disse que ele usava as mesmas roupas de quando assaltou o motorista, informou a PM.

Fonte: G1

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer