Publicidades

10/01/2019 | 07:27 | Polícia

Equipes de outros municípios ajudam nas buscas a agricultor desaparecido em São Martinho

Delegado Marion Volino, que investiga o caso, não descarta nenhuma possibilidade. Eider Volmir Werner, de 31 anos, saiu para trabalhar na lavoura da família, no interior do município, no dia 3 de janeiro, e não foi mais visto

Eider Volmir Werner, de 31 anos, não foi mais visto pelos familiares depois de sair para o trabalho ? Arquivo Pessoal


A Polícia Civil de São Martinho, no Noroeste do Rio Grande do Sul, conta com a ajuda de equipes de outras duas cidades para realizar buscas a um agricultor que desapareceu há seis dias no município. Segundo os familiares, Eider Volmir Werner, de 31 anos, saiu para trabalhar na lavoura da família e não foi mais visto.


De acordo com o delegado que investiga o caso, nenhuma possibilidade foi descartada. "Ele saiu de casa com dinheiro, ia pagar umas contas com sua moto, e esses objetos até o momento não foram localizados. Desde então, nós estamos em diligências, com o apoio da Brigada Militar e do Corpo de Bombeiros, inicialmente, de Três de Maio, e agora de Santa Maria."


Eider dirigia uma motocicleta de cor prata.


O delegado informou que a polícia não tem nenhuma pista ainda. "Na última segunda-feira, bombeiros trabalharam nas buscas com cães farejadores e nada. Ouvimos familiares, e eles podem ser chamados novamente para depoimentos".


A família informou que ele sempre costumava avisar quando se atrasava para voltar para casa.


Ao perceber o atraso do marido, a esposa dele foi até a lavoura e achou uma camiseta e um chinelo que seriam de Eider.


Familiares também acharam uma bermuda e um boné iguais aos dele, em uma estrada perto do local onde ele trabalhava.


No Facebook, a cunhada dele, Venice Werner, fez um apelo por informações sobre o paradeiro de Eider. A postagem tinha 235 compartilhamentos na manhã desta quarta-feira (9).







Venice Werner

na terça






Após tantos dias de mobilização e buscas incansáveis, porém sem encontrar o corpo de Eider Werner, cresce a esperança que ele possa estar vivo. Então, se de alguma forma estiver vivo e lendo esta postagem, saiba que a tristeza e a dor da sua falta são imensas para todos seus familiares, principalmente, para sua mãe que chora todo dia sentindo sua falta e para seu filho que pede pelo pai a todo instante. Ele fica atento ao portão como se estivesse esperando você chegar. Imploramos, por favor, por notícias.

Fonte: G1

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer