Publicidades

04/09/2019 | 14:48 | Educação

Engenharia Mecânica da FAHOR tem novos coordenadores

Fahor/divulgação


O Curso de Engenharia Mecânica da FAHOR foi o primeiro a ser autorizado e reconhecido na Faculdade Horizontina. É o Curso que deu origem à FAHOR e teve, na época, o professor Adalberto Lovato na Coordenação, auxiliando na elaboração e implementação do Curso que até hoje é uma dos mais procurados na Instituição.



Quase 20 anos depois, o engenheiro mecânico formado pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e mestre em Engenharia de Sistemas e Computação pela UFRJ, professor com larga experiência em projeto de produto e administração da produção,  sistemas de informação, software e qualidade, retorna ao cargo de Coordenador.



“É outro mundo este que estamos vivenciando agora. Totalmente diferente com o cenário de 20 anos atrás. Não havia smartphone, alguns laptops começavam a surgir. O desafio para o Curso de modo geral é fazer com que os estudantes estejam cada vez mais com a mão na massa. Para se ter uma ideia, o termo “maker” é a primeira habilidade no currículo do MIT para o próximo semestre. Estamos buscando um alinhamento para desenvolver habilidades exigidas nos melhores cursos do mundo, tendo em vista que qualquer profissional de engenharia hoje, pode receber um projeto desenhado por um profissional de qualquer outra parte do mundo e vai precisar entender disso”, comentou o professor.



E a coordenadora adjunta do Cursod e Engneharia Mecânica da FAHOR é a engenheira mecânica egressa da FAHOR, Francine Centenaro Gomes, mestre em Engenharia e Analista de Custos em empresa metalomecânica.



As experiências destes professores no setor empresarial e industrial e raízes fortes na região Noroeste somaram muito para a escolha e definição dos novos coordenadores. “Vejo o fato de ser egressa do Curso como uma vantagem neste processo, pois tive oportunidade de vivenciar as situações dos estudantes  na posição de acadêmica e depois por mais de 5 anos professora no curso, assumo o desafio da coordenação adjunta. O objetivo, é trabalhar junto com os alunos, entender suas demandas e suas expectativas e,  buscar as soluções necessárias”, destacou Francine.



As atividades da professora Francine serão mais ligada às tratativas e direcionamentos aos alunos e professores., enquanto que o trabalho do professor Lovato será mais direcionado aos projetos pedagógicos, grade curricular, desenvolvimento de pesquisas, e ações como o Enade.



Nesse processo de transição, vale ressaltar que estudantes e colaboradores contam com o apoio dos demais coordenadores de Cursos da Instituição para o atendimento às demandas internas e externas.


Fonte: Assessoria Fahor

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer